Como tirar certidão de união estável

Para comprovar um relacionamento perante a lei, não bastam apenas testemunhas. O ideal, é que esta convivência também seja comprovada com documentos. É aí que a Certidão de União Estável pode seu útil para o casal.

Muitas pessoas não pensam em se casar. Ou então simplesmente não tem dinheiro pra isso, já que mesmo para casar no Cartório, custa caro. Apenas a convivência do dia a dia já basta para que sejam felizes. Mas para garantirem determinados direitos, recomendamos fortemente que façam o registro do relacionamento no cartório.

Certidão de União Estável

Como tirar uma Certidão de União Estável

Para garantir que o parceiro tenha os mesmos direitos perante a lei, o ideal é sempre registrar em cartório a união estável. Desta forma é possível garantir pensões, poder registrar plano de saúde familiar, etc.


É possível registrar a união estável de duas maneiras. A primeira é através de um contrato redigido por um advogado e registrado posteriormente em cartório. Já a outra é comparecendo pessoalmente a um cartório da sua cidade e solicitar o registro de uma escritura pública de união estável.

A segunda opção, na minha opinião é bem mais simples pois só há a necessidade de se reunir alguns documentos e pagar a taxa, que não é muito alta. Não é sequer necessária a presença de testemunhas ou de advogados.

Relação de documentos necessários para tirar uma Certidão de União Estável

O casal deve apresentar os seguintes documentos:

No futuro, caso venha a ser desejo do casal é possível converter a união estável em casamento. Basta ir até o cartório acompanhado de duas testemunhas, realizar o pagamento das custas, aguardar a publicação e realizar o casamento. Caso tenha uma data específica para a realização do casamento, é aconselhável que vá até o local para dar entrada nos papeis pelo menos 30 dias antes.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.