Como solicitar isenção da taxa de inscrição do ENEM

Não tem dinheiro para pagar a taxa de inscrição do ENEM? Saiba que isto não é motivo para você deixar de fazer a prova. Agora, o estudante deve solicitar isenção da taxa de inscrição do ENEM antes da inscrição para a prova. Fique atento para não perder o prazo.



Quem pode solicitar isenção da taxa de inscrição do ENEM:

Podem solicitar isenção da taxa de inscrição do ENEM os estudantes que se encaixam em alguma destas situações:

– Está cursando a última série do Ensino Médio em 2018, em uma escola da rede pública de ensino que foi declarada no Censo Escolar;

– Cursou todo o ensino médio em escola da rede pública de ensino ou então foi bolsista integral em escolas da rede privada e tem renda por pessoa menor que um salário mínimo e meio. Para 2018 o valor é de R$1431,00.


– É membro de família de baixa renda, com número de identificação social único e válido, com renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo (R$477) ou renda familiar mensal de no máximo três salários mínimos, o equivalente a R$2862 em 2018.

Isenção para quem não compareceu aos dias de prova em 2017

Aqueles que obtiveram o benefício da isenção da taxa da inscrição no ENEM em 2017 e não compareceram aos dias de prova devem justificar a ausência para solicitar novamente o benefício em 2018. Para justificar a ausência, os documentos aceitos são os seguintes:

Casos de acidentes de trânsito

O estudante deve apresentar o boletim de ocorrência, legível, datado com nome completo, RG e CPF do participante. Este deve documentar o acidente envolvendo o participante na data da aplicação do ENEM, antes das 13 horas.

Casos de assaltos ou furtos

O estudante deve apresentar o boletim de ocorrência com todas as informações sobre o furto tendo o participante do ENEM, no dia de aplicação da prova, antes das 13 horas.

Casamento

O participante deve apresentar a certidão de casamento, datada, com nome completo. O casamento deve ter ocorrido no máximo nove dias antes da aplicação da prova em 2017.

Luto

Deve-se apresentar a certidão de óbito e um comprovante de parentesco. Para que a justificativa seja aceita, o óbito deve ter ocorrido no máximo oito dias antes da aplicação da prova do ENEM. Só serão aceitos os seguintes parentescos: Pai, mãe, responsável lega, companheiro, cônjuge, filho ou enteado.

Acompanhamento de cônjuge

Será aceito apenas documento oficial que comprove o deslocamento de cônjuge ou companheiro para outra cidade.

Problemas de saúde

O interessado deve apresentar um atestado médico legível e datado, com nome completo do participante, CRM do médico e assinatura. Ele deve especificar a necessidade de repouso na data de aplicação da prova do ENEM. O atestado também será aceito no caso de acompanhamento de familiar. Parentescos aceitos: Pai, mãe, responsável legal, companheiro, cônjuge, filho ou enteado.

Licença Maternidade

Apresentar certidão de nascimento com nome completo, CPF e RG do participante. O nascimento deve ter ocorrido no máximo cinco dias antes da aplicação da prova. Licenças paternidades também são válidas para casos de adoção documentada.

Atividade Profissional

Declaração oficial de atividade profissional, legível e datada, com nome completo, CPF e RG do participante. Também deve apresentar os dados da empresa como CNPJ. A atividade deve ter ocorrido na data da aplicação da prova do ENEM em 2017.

O período para justificativa de ausência vai do dia 02 até 11 de abril. Ela deve ser feita ao acessar o sistema para solicitar a isenção da taxa de inscrição.

Como solicitar a isenção da taxa de inscrição do ENEM em 2018

O candidato deve acessar o site do INEP e escolher a opção “Isenção ENEM 2018”. Siga as instruções e faça a inscrição. O candidato deve obrigatoriamente ter um CPF regular. O prazo para solicitação da isenção é até às 23:59 do dia 11/04/2018.

Leia também: Como estudar para o ENEM

Deixe um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.